Estou cansado, muito cansado! - Isabel Candeias

Reflexo: - Estou cansado, muito cansado! Podem imaginar, talvez, cansado como um carro que, de tão velho, já não pode andar. Eu não sou velho, pelo contrário, ainda há pouco fiz 28 anos. Mas tenho tido uma vida muito triste, muito embora não tendo sida, há algo no meu corpo que não é normal como nas outras pessoas, falta-me segurança, falta-me vontade, falta-me tudo que ilumine. Meus pais gastaram muito comigo mas foi impossível. A minha imunidade é muito diferente dum ser comum.
Clique para OUVIR a Limpeza Psíquica
Doutrinação: – É muito triste, é lamentável mesmo ouvir-se uma manifestação como esta. Sentires-te como um carro velho! Um jovem com apenas 28 anos, idade em que a criatura normalmente está na pujança da sua juventude, quando tudo devia prometer saúde, vontade de viver, constituir família, ter filhos, educar a prole e viver até depois da chegada dos netos!

Lastimamos que assim não tenha acontecido, todavia há a certeza de que a vida do espírito é eterna e oportunidades de progresso espiritual não faltarão no futuro.

Se não fora a tua grande perturbação, ao chegar à corrente fluídica, para onde vieste trazido pelas Forças do Bem, sentir-te-ias leve e feliz perante a aurora que te aguarda e livre já daquele corpo que de mais nada te servia neste mundo, dado o estado de depauperamento geral do físico e completamente esgotada a tua vida anímica.

No teu mundo de origem, em plena lucidez, entenderás tudo o que contigo aconteceu e saberás, depois de analisar pacientemente o quadro das tuas obras, o que deverás fazer para recuperar o tempo perdido.

Segue o caminho luminoso que te espera.

ASTRAL SUPERIOR
ISABEL CANDEIAS

Bom seria que neste momento o ambiente terráqueo fosse outro, pois, muito tempo já foi passado após a vinda de Jesus “o Cristo”, algum também após o começo da Doutrina racionalista cristã e, se as pessoas tivessem aberto as suas mentes há mais tempo, certamente, hoje o ambiente seria melhor.


Mas, os racionalistas cristãos não se espantam pois sabem, com consciência plena, que a natureza não dá saltos e cada coisa chega na sua hora própria. O que interessa é trabalhar sempre, sem desfalecer, com o pensamento elevado, rumo ao progresso material e espiritual.

É de facto uma pena e, digamos, até bizarro, que nesta altura em que as pessoas poderiam compreender melhor a vida, se entregam ao baixo espiritismo, principalmente em algumas zonas de Portugal, mais propriamente no Alentejo e nas Beiras.


Deveis ter muito cuidado com essas situações pois o que querem, muitas vezes, é contrapartida de dinheiro fácil, enganando os incautos, oferecendo serviços que aqueles que esperam receber contrapartida jamais verão a sua ansiedade saciada.

Todo o ser humano deve saber libertar-se das grilhetas que carrega, há tantas encarnações. Sabemos que é difícil mas podem crer que não é impossível. Basta quererem e porem de parte essas ideias que ainda permanecem em muitas das superstições. Muitos acham que certos trabalhos nos cemitérios, debaixo de árvores, dão resultado. Puro engano!

O que eleva o espírito, ajudando o ser encarnado é a consciência do dever cumprido e a prática do bem, para si próprio e para aqueles, seus iguais, a quem muitas vezes querem mal. É preferível ser-se pobre e não ter vontade de que ninguém passe mal, a ser rico desejando o mal alheio.

Pensai nestas palavras e procurai seguir uma vida mais correta daqui para a frente.


Poderá gostar de conhecer:
► Casas Racionalistas Cristãs espalhadas pelo mundo
 Atavismo